Em conversa com empresários, Gustavo Fruet destaca ambiente favorável aos negócios em Curitiba

gustavo_empresarios
O prefeito de Curitiba e candidato à reeleição pela coligação Curitiba Segue em Frente (PDT/PV/PTB/PRB/PPS), Gustavo Fruet, encontrou-se no início da tarde dessa sexta-feira (16) com um grupo de 80 empresários da cidade em um restaurante no Centro Cívico.

No encontro, o prefeito valorizou o ambiente favorável aos negócios na cidade graças a infraestrutura, a mobilidade e a qualidade da mão de obra ao falar com proprietários e investidores da cidade – responsáveis por negócios de inovação, desenvolvimento econômico e social, e geração de emprego. “A Subway trouxe toda a área administrativa para Curitiba. A Optum, empresa que comprou a Amil, escolheu colocar a sede da área de tecnologia aqui na cidade.

Uma empresa chinesa, líder de silagem, comprou uma área na Cidade Industrial no ano passado e está construindo uma estrutura para entrar no ramo do agronegócio e energia. O Bradesco, segundo os dirigentes, é um banco de língua portuguesa. Mas eles querem utilizar a estrutura do HSBC em Curitiba na área de tecnologia para transformar o banco em língua inglesa. Nós temos na cidade um ambiente favorável ao investimento e me incomoda essa desqualificação da cidade na campanha para tentar me atingir.

O que não dá é para desqualificar Curitiba porque há razões de sobra para se orgulhar de morar aqui, a cidade da melhor educação básica do Brasil”, ressaltou Fruet. Gustavo destacou o reequilíbrio das finanças da cidade a partir de 2013 para possibilitar os investimentos em infraestrutura, educação e saúde. “Nós pagamos ao longo de quatro anos dívidas de R$ 1,5 bilhão, vamos terminar de pagar em dezembro desse ano os R$ 570 milhões de dívidas de curto prazo de 2012.

Nós reequilibramos as finanças da prefeitura ao economizar R$ 1 bilhão. Só na tecnologia da informação, nós economizamos mais de R$ 300 milhões e fizemos uma auditoria, que mexeu em contratos que nunca foram mexidos antes. Temos a melhor situação fiscal entre as capitais brasileiras. Nosso nível de endividamento é de 14% da receita, sendo que a lei permite até 120%.” O prefeito citou que o cenário econômico aponta que em 2017 ainda será um ano difícil, mas a perspectiva é de melhora a partir de 2018.

“Quem saiu do governo federal vai radicalizar e a radicalização vai ter um volume maior se não houver uma recuperação da economia. Mas com o caixa equilibrado, vamos poder ampliar os investimentos. Nós retomamos as obras da Linha Verde e vamos deixar para a próxima gestão os projetos prontos para terminar a obra até o Atuba, com custo estimado de R$ 250 milhões. O novo eixo de transporte permite a implantação da nova tecnologia de eletromobilidade com o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) ou o Veículo Leve sobre Pneus (VLP). Vamos requalificar o sistema de transporte porque é um dos fatores para aumento da produtividade.” explicou Fruet

A prefeitura abriu a possibilidade de empresas apresentarem propostas de parcerias público-privadas para a construção de quatro linhas da VLP ou VLT com uso de energia elétrica. A previsão é que a prefeitura inicie a análise de cada proposta a partir de outubro e ao longo da próxima gestão implante os projetos para aumentar a capacidade de transporte. São três eixos com quatro trajetos: Linha Verde Norte-Sul; Linha Verde-Centro; Aeroporto-Rodoviária-Centro Cívico; Cachoeira-Rodoviária-PUC/Linha Verde.

Integridade
Presente ao encontro, o ex-senador Osmar Dias pediu aos empresários o envolvimento na campanha para que Curitiba continue trilhando o caminho do equilíbrio fiscal, da seriedade, e da integridade ao tratar com o Poder Público. “Nós vimos com o cenário nacional que, em uma eleição equivocada, a gente paga o preço por um tempo muito longo. Sou grato por receber o Gustavo no mesmo partido que o meu porque ele blindado à corrupção.

Nós pagamos imposto para ter uma saúde de qualidade, uma educação de qualidade. E é isso que o Gustavo fez. Eu tenho a confiança que a reeleição do Gustavo representa o marco da honestidade, da ética e a população de Curitiba sabe o que é melhor para cidade. A reeleição do Gustavo é o reinício da construção de um país que todos nos queremos.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *