200 viaturas da PM serão entregues a Curitiba e RMC, anuncia Romanelli

viaturas_romanelli
As primeiras 50 viaturas da Polícia Militar que vão reforçar o trabalho de patrulhamento ostensivo em Curitiba e Região Metropolitana chegaram ao Palácio Iguaçu nesta terça-feira (06) e começam a circular ainda esta semana.

Ao todo, são 200 viaturas que serão entregues durante todo o mês de setembro. Além dessas 200 viaturas locadas para Curitiba e RMC, o governo já lançou o edital para fazer a compra de 1000 viaturas novas para a polícia. “Faremos a compras dessas viaturas e substituiremos os antigos veículos que demandam gastos de manutenção muito elevados. Vamos manter apenas os veículos novos e renovar a frota da segurança pública. Queremos ver o policiamento na rua”, disse o líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Luiz Claudio Romanelli.

Os veículos são equipados com aparelhos de rádio criptografados e geoprocessamento que permite o acompanhamento do trabalho policial pelo Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), situado na Sesp. Os 200 veículos que vão reforçar o patrulhamento em Curitiba e RMC serão alugados. “Uma viatura da PM que faz o patrulhamento diário nas ruas de Curitiba, por exemplo, chega a rodar até 10 mil quilômetros por mês, precisa de manutenção constante e tem sua vida útil abreviada”, disse. Se uma viatura estragar ou estiver com algum problema de manutenção, imediatamente será substituída por uma reserva. Não teremos a interrupção do funcionamento desses veículo”, afirmou.

Romanelli acrescentou que o governador está cumprindo com os compromissos assumidos, apesar de o Brasil estar imerso em uma recessão. “É obrigação do governo atender a segurança da população e o governo está fazendo todo o esforço para reforçar o patrulhamento em locais e horários com maior incidência criminal. Alugar as viaturas é uma inovação importante e esperamos que o resultado se reflita na queda dos índices de criminalidade de Curitiba e Região”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *